5 de out. de 2021

O que a queda dos whats app, facebook e instagram nos ensinou?

 

Já ouviu aquele ditado que a gente só valoriza algo quando a gente perde? No caso da queda desses canais, a gente não só perde, como bate um desespero digno de filme de ação onde a missão é quase impossível.

É bem nessa hora, que começamos a entender o quanto precisamos e dependemos cada dia mais dos canais digitais.

É literalmente desesperador. Primeiro pensamos que o problema é a internet, depois, alguma instabilidade temporária.  Desliga computador, internet, liga denovo, reinicia tudo e apaga aplicativos diversos.

Será que roubaram os fios da rede do bairro? Não, pera!  Os outros canais estão funcionando. É engraçado, pois nessa hora, até esquecemos que o problema são alguns aplicativos, não a internet.

Até entender o que tinha acontecido de fato, alguns minutos se passaram. Parece que demoramos a acreditar.

Ficar mais de 5 horas fora da rotina diária, sem atendimento aos clientes, dá a impressão que não vamos conseguir. Mil coisas na cabeça... será vai voltar até amanhã? Será que caiu um satélite por tempestade solar?

Quando a ficha cai, é hora de achar alternativas imediatamente. Telegram, Twitter, SMS e até telefone. O hábito era tão antigo que a gente até esquece de como abrir o teclado para mandar uma simples mensagem de texto.

O hábito nos acostuma rotineiramente, mas momentos assim, nos levam a pensar em outros caminhos que por mais antigos ou que estejam esquecidos na gaveta do porão da nossa memória, ainda servem para nos comunicar e ajudam muito a minimizar a distância na nossa comunicação do dia a dia.

Fica o aprendizado: Ter alternativas, é importante para qualquer negócio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários que tragam ofensas, discriminação ou preconceitos serão automaticamente apagados. Respeite os demais usuários.